Blog

5 Motivos para ter uma Solução de DT-e no trabalho

Tempo de leitura: 3 minutos

Utilizar uma solução de DT-e é o caminho encontrado por muitas empresas para ganhar em produtividade e reduzir custos no departamento fiscal. Com a possibilidade de automatizar processos, os profissionais podem ser realocados em outras atividades que necessitam de sua atenção.

A criação do Domicílio Tributário Eletrônico (DT-e) já foi um grande avanço para simplificar a comunicação entre o governo e o contribuinte. Entretanto, as empresas ainda precisam acessar frequentemente suas caixas postais pela internet para não perder notificações importantes – o que toma um tempo precioso e pode levar a erros humanos.

Neste artigo vamos compreender os principais motivos para adotar uma solução de DT-e no trabalho. Confira.

O que é Domicílio Tributário Eletrônico?

O Domicílio Tributário Eletrônico (DT-e) é uma plataforma criada pelo governo para servir como canal principal de comunicação com o contribuinte. Dessa forma, torna-se possível acessar as mensagens e cobranças oficiais do governo por uma caixa postal online.

Com a migração da comunicação para o formato digital, o contribuinte pode ser intimado para apresentar defesas e tomar ciência de atos administrativos sem a necessidade do envio de cartas registradas – agilizando a comunicação.

Porém, apesar da grande evolução obtida com a criação do DT-e, ainda existem dois pontos que merecem atenção das empresas:

  • Várias caixas postais para acompanhar. A intimação realizada por meio do DT-e pode ser realizada pelas Prefeituras, Secretarias de Fazenda Estaduais e Federal – com o uso de plataformas diferentes para cada uma dessas esferas. Portanto, é preciso ficar de olho em diversos portais diferentes.
  • Presunção de conhecimento dos fatos. Após o credenciamento do contribuinte no sistema, os prazos processuais começam a correr a partir do envio da intimação em formato digital – mesmo que o contribuinte não acesse a mensagem e não tenha conhecimento sobre o seu conteúdo. Ou seja, é preciso ficar muito atento para não perder os prazos recursais por conta dessa presunção de conhecimento dos fatos.
Café vetor criado por stories – br.freepik.com

5 motivos para investir em uma solução de DT-e

Você quer tornar todo o processo de gerenciamento do Domicílio Tributário Eletrônico mais simples na sua empresa? Uma solução de DT-e pode ajudá-lo a colocar isso em prática.

Trata-se de uma tecnologia baseada na robotização de processos (RPA) – que permite que tarefas repetitivas sejam mapeadas e substituídas por robôs para execução delas. Na prática, você pode promover a centralização dos DT-e e simplificação do acesso entre o Fisco e o seu negócio.

Veja os principais motivos para investir em uma solução de DT-e:

1. RPA de notificações e alertas do governo

Com base nos dados cadastrais da sua empresa, a solução de DT-e acessa os sites responsáveis (ECAC, Secretaria da Fazenda, Prefeitura) e, de maneira automática, realiza o download de todas as mensagens (avisos ou notificações).

2. Não perca mais nenhum prazo

Um dos maiores desafios das empresas é acompanhar diariamente as notificações recebidas em suas caixas postais. Basta um pequeno descuido para perder prazos importantes.

Para solucionar isso, uma solução de DT-e fica encarregada de monitorar automaticamente todas as comunicações recebidas – gerando alertas para aquelas que merecem a sua atenção.

3. Foco nas tarefas que realmente importam

Com uma solução de DT-e, você pode economizar tempo e manter menos funcionários trabalhando em tarefas repetitivas. Ao automatizar o gerenciamento de DT-e, você também gera uma economia de FTEs (custo-homem hora).

4. Evite erros manuais

Em meio a tantas rotinas que devem ser desenvolvidas diariamente pelos profissionais do departamento fiscal, é preciso compreender que erros manuais podem acontecer. Porém, os robôs não cometem esses erros humanos. Portanto, uma solução de DTE-e acaba com esse problema.

5. Integração única com as 3 esferas

Uma solução de DT-e possui integração com as 3 esferas:

  • Federal – ECAC (Domicílio Tributário Eletrônico (DTE))
  • Estadual – Secretárias das Fazendas
  • Municipal – Prefeituras

Todas as mensagens recebidas são visualizadas em uma única tela, garantindo praticidade e agilidade ao time fiscal.

DOOLivery Caixa Postal Fiscal: uma solução de RPA para gerenciar DT-e

Você ficou interessado no uso de uma solução de DT-e? Então precisa conhecer o DOOLivery Caixa Postal Fiscal.

Trata-se de uma solução de RPA que permite a centralização dos DT-e e simplificação do acesso entre o Fisco e o seu negócio.

  • Receba alertas quando tiver notificações importantes.
  • Sem comunicações extraviadas.
  • Nunca mais perca um prazo das comunicações do governo.

Pare de entrar em centenas de sites todos os dias. Estar atualizado ficou mais fácil! Entre em contato com a nossa equipe e descubra como o DOOLivery Caixa Postal Fiscal é umasolução de DTe que pode agilizar o trabalho do seu departamento fiscal.

Compartilhe
Avatar
Sobre o autor

Carlos Lima

Deixe uma resposta

Posts relacionados

Maiores obstáculos da área tributária
Maiores obstáculos da área tributária

Quer conhecer os maiores obstáculos da área tributária e aprender como superá-los? Então confira mais um artigo no blog da Dootax.

O que é Certidão Negativa de Débito?
O que é Certidão Negativa de Débito?

Conheça os diferentes tipos de Certidão Negativa de Débito (CND) e a importância desse documento para as organizações.

História dos impostos
História dos impostos

Ao longo deste artigo vamos compreender melhor a história dos impostos no Brasil e no mundo. Acompanhe.