Blog

Tudo sobre a emissão de DAE-10

Tempo de leitura: 3 minutos

A emissão e recolhimento do DAE-10 são rotinas que fazem parte de qualquer departamento fiscal das empresas de Pernambuco, não é? O Documento de Arrecadação para Pagamento de Impostos (DAE-10) é usado para viabilizar o pagamento de diversos tributos estaduais devidos por pessoas físicas e pessoas jurídicas.

Mas como funciona o processo de emissão de DAE-10 e quais são os tributos recolhidos por meio desse documento? E, ainda, como agilizar o processo para emissão do documento de arrecadação na sua empresa?

Neste artigo, vamos responder todas essas perguntas e muito mais. Confira logo a seguir!

Pagamento de tributos

O que é o DAE-10?

As empresas e pessoas precisam recolher diversos tributos, certo? São diversos os fatores geradores que levam a essa situação – seja a posse de um veículo ou a venda de produtos. Para colocar isso em prática, pode ser necessário emitir e pagar um documento de arrecadação.

O DAE-10 é o Documento de Arrecadação para Pagamento de Impostos usado no estado de Pernambuco. Por meio desse documento, é possível arrecadar vários tributos:

Foto de Andrea Piacquadio no Pexels

Como emitir o DAE-10?

Para fazer a emissão do DAE-10, você pode seguir estes passos:

  1. Acesse o e-Fisco – ARE Virtual.
  2. Selecione as opções: Serviços mais Utilizados > DAE-10 – Documento de Arrecadação para Pagamento de Impostos.
  3. Você vai encontrar um formulário que deve ser preenchido com as informações necessárias para a arrecadação do imposto:
  • Natureza da Receita;
  • Tipo de Documento de Origem;
  • Número do Documento de Origem;
  • Tipo de documento de Identificação;
  • Número da Identificação;
  • Período Fiscal;
  • Número da Parcela;
  • Valor;
  • Data de Vencimento;
  • Data de Pagamento;
  • Município;
  • Mensagem.
  1. Após isso, basta “Confirmar” e imprimir o DAE-10 para realizar seu pagamento!

É importante destacar alguns pontos para a emissão correta do DAE-10:

  • Os códigos de Receita e DAE’s correspondentes podem ser consultados na Portaria 012/2003.
  • Todos os códigos de receitas e seus respectivos prazos de vencimentos podem ser pesquisados no informativo Agenda Tributária.
  • Os estabelecimentos bancários com contrato de prestação de serviços de arrecadação de DAE-10 e GNRE para o Estado de Pernambuco são: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú, Santander e Bancoob.

Agilize a emissão e o pagamento dos seus tributos

Todos os passos para emitir o DAE-10 podem ser facilmente executados por um profissional do departamento fiscal. Porém, requer bastante tempo e atenção constante para que nenhum detalhe passe despercebido.

Mas, então, como emitir e pagar suas guias tributárias com mais agilidade e eficiência? A resposta está na automação desse processo!

Os avanços tecnológicos permitem a substituição dos processos manuais e repetitivos por processos automatizados e sistemas inteligentes. Ou seja, você pode utilizar softwares para realizar tarefas e atividades operacionais em maior volume utilizando menos tempo para sua execução – e isso inclui todo o processo emitir e pagar o DAE-10.

A Dootax tem uma plataforma que vai agilizar a sua área fiscal. É mais produtividade e economia para sua empresa. Veja por que investir na automação da emissão e pagamento do DAE-10 com a Dootax:

  • Mais segurança: as soluções Dootax adotam a criptografia das informações, com fator de autenticação duplo e sem intervenção humana. Além disso, temos respeito total às normas internacionais – tornando a emissão do DAE-10 segura e descomplicada.
  • Mais agilidade: as ferramentas da Dootax possuem integração com todos os bancos e emissão para as 27 estados do Brasil. Você pode agilizar o cálculo de multas e juros – além de enviar as guias pagas por e-mail.
  • Mais tranquilidade: você não precisa perder tempo com a instalação de um software. A Dootax funciona por meio da nuvem e oferece um suporte prestativo e atencioso sempre que precisar. Além disso, estamos em atualização constante com as mudanças fiscais e legais.
  • Mais rentabilidade: pare de pagar multas desnecessárias. Reduza FTEs e invista em áreas estratégicas do seu negócio – alcançando o compliance em pagamentos tributários.

Entenda melhor o papel da tecnologia no pagamento de tributos:

E aí, você está preparado para automatizar a emissão de DAE-10? Então, conheça melhor o Dootax Pagamento de Tributos e agende uma demonstração!

Compartilhe
Sobre o autor

Alessandra Muniz

Deixe uma resposta

Posts relacionados

O que aprender com a Reforma Tributária Neozelandesa?
O que aprender com a Reforma Tributária Neozelandesa?

Descubra como a Nova Zelândia superou sua crise econômica e o que nosso país pode aprender com a reforma tributária neozelandesa.

Dicas para emissão e armazenamento de CTe
Dicas para emissão e armazenamento de CTe

A sua empresa armazena corretamentamente o Conhecimento de Transporte eletrônico (CTe)? Confira nossas dicas e garanta o compliance fiscal.

Impostos Federais: o que pode mudar após a reforma?
Impostos Federais: o que pode mudar após a reforma?

Entenda quais são os principais impostos federais e como eles podem sofrer mudanças com uma reforma tributária.

Escritórios