Blog

GNRE para e-commerce – como automatizar as guias?

Tempo de leitura: 4 minutos

Você sente uma sobrecarga de trabalho pela necessidade de emitir a GNRE para cada venda realizada para outro estado? Sua empresa já teve complicações com caminhões parados em barreiras fiscais por falhas na emissão da GNRE? Então você precisa conhecer a automação da GNRE para e-commerce.

Em vez de emitir manualmente cada guia para recolhimento da GNRE, você pode deixar essa tarefa nas mãos de robôs que executam essa rotina em poucos segundos. Dessa forma, você minimiza as chances de erros e aumenta a produtividade do setor fiscal.

Quer descobrir como automatizar as guias de GNRE para e-commerce? Confira logo a seguir!

O otimismo nas vendas do e-commerce

Um estudo da Neotrust Compre&Confie, em parceria com a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), mostrou que entre janeiro e agosto de 2020, o número de transações no comércio online cresceu 80% e o faturamento foi 75,5% maior em relação ao mesmo período de 2019 – indo de R$ 44 bilhões para R$ 77,2 bilhões em oito meses. Já outro levantamento da ABComm mostrou que, entre abril e setembro de 2020, 11,5 milhões de pessoas fizeram sua primeira compra online.

Trata-se de um cenário muito otimista para as empresas que praticam vendas pela internet, não é?

Porém, para o departamento fiscal de um e-commerce, o aumento do volume de vendas é uma faca de dois gumes: é ótimo para os resultados financeiros, mas gera uma sobrecarga de trabalho. Afinal, é preciso garantir que todas as operações sigam todas as exigências legais.

Com a automação, esse problema pode ficar no passado. Afinal, a GNRE para e-commerce é emitida automaticamente para cada venda fechada – evitando falhas na emissão, caminhões parados em barreiras fiscais, multas e outras penalidades.

Afinal, o que é a GNRE para e-commerce?

A Guia Nacional de Recolhimento de Tributos Estaduais (GNRE) é o documento utilizado pelos contribuintes nas operações de vendas interestaduais sujeitas à substituição tributária e demais impostos devidos ao Estado e recolhidos em outra unidade da federação.

Portanto, as empresas que precisam emitir a GNRE são aquelas que efetuam a venda de mercadorias com destino a outros estados ou prestações de serviços de transporte interestadual.

A emissão da GNRE para e-commerce é feita com base nas seguintes etapas:

  1. Gerar a Nota Fiscal Eletrônica
  2. Imprimir duas vias da Nota Fiscal
  3. Checar a tabela de alíquotas de ICMS – observando os estados envolvidos na transação
  4. Calcular a diferença entre a alíquota interna e alíquota do estado destino
  5. Entrar no site do SEFAZ e emitir guia para pagamento que vai para o estado do cliente
  6. Imprimir guia GNRE
  7. Pagar a guia GNRE
  8. Imprimir o comprovante de pagamento
  9. Juntar a Nota Fiscal, a GNRE paga e o comprovante de pagamento ao produto
  10. Enviar o produto ao cliente
Fundo foto criado por snowing – br.freepik.com

Benefícios da automação de GNRE

Conforme acabamos de ver, emitir a GNRE é uma obrigação para os e-commerces que fazem vendas para outros estados. Entretanto, o processo de emissão manual do documento requer bastante tempo – principalmente considerando o volume de vendas que uma loja online pode ter.

Outro processo embaraçoso é que cada UF pode exigir informações específicas para cada tipo de receita. E, como SP, RJ e ES estão fora do Portal Nacional da GNRE Online, é preciso acessar especificamente cada endereço individualmente.

Para evitar esses transtornos, você pode optar pela automação de GNRE. Com o uso da tecnologia, é possível realizar essa geração de forma muito simples, pois todas as informações necessárias são extraídas diretamente do XML da NFe ou do CTe. Isso facilita muito o processo, pois os valores a serem pagos são os que efetivamente foram destacados e aprovados pela SEFAZ no Documento Fiscal Eletrônico.

Veja quais são os principais benefícios da automação de GNRE para e-commerce:

Agilidade na emissão

A automação de GNRE permite que você emita centenas de guias tributárias em segundos, sem intervenção humana e sem precisar preencher nenhum formulário.

Pagamento descomplicado

Um sistema inteligente envia as guias diretamente ao banco ou para o seu ERP. E você pode acessar os relatórios a qualquer hora.

Redução de erros humanos

Chega de multas! Nunca mais pague guias em duplicidade, com atraso ou com valores errados. Afinal, as rotinas de emissão e arrecadação ficarão nas mãos de uma tecnologia precisa e eficiente.

Diminua FTEs (Full-Time Equivalent)

Um colaborador administrativo gasta 3h/dia com tarefas repetitivas. Ao usar a automação de GNRE, você pode alocar as pessoas para funções mais estratégicas e deixar os robôs com o trabalho braçal.

Elimine situações de caminhões parados em barreiras fiscais

Guias com erros ou ausentes podem fazer com que caminhões fiquem parados em barreiras fiscais, atrasando a entrega das mercadorias e gerando prejuízo. Trata-se de uma situação com vários efeitos negativos para a organização – podendo afetar a reputação da marca e deixar clientes insatisfeitos.

Com a automação de GNRE, você pode garantir a fluidez da sua logística. Os documentos sempre são emitidos automaticamente e os caminhões partem da organização com todas as exigências legais cumpridas.

Conheça o DOODoc Pagamento de Tributos!

Você ficou interessado na automação de GNRE para e-commerce? A Dootax faz a emissão e o pagamento da guia nacional de recolhimento tributário de modo totalmente automático.

Com o DOODoc Pagamento de Tributos é possível automatizar a emissão de todas as guias Federais, Estaduais e Municipais. Ou seja, além de emitir GNRE para todas as UFs, você pode ainda emitir FECP, DARF, GPS, DARE, DAR, GARE, DARJ, GR-PR e etc.

  • Emita 1000 guias em 5 segundos
  • Elimine erros humanos
  • Software na nuvem (SaaS)
  • Implementação rápida
  • Emissão para todo o Brasil

Você já sabia como automatizar as guias de GNRE para e-commerce? Está disposto a levar todas as vantagens dessa tecnologia para sua empresa? Então experimente o DOODoc Pagamento de Tributos por 30 dias grátis!

Compartilhe
Avatar
Sobre o autor

Carlos Lima

Deixe uma resposta

Posts relacionados

Agenda Fiscal 2019
Agenda Fiscal 2019

Você já fez o planejamento de sua Agenda Fiscal 2019? Confira nessa matéria as principais mudanças e deveres que entram em vigor nesse ano.

Importância da certidão negativa de débito para as empresas
Importância da certidão negativa de débito para as empresas

A certidão negativa de débito atesta que uma empresa está em regularidade com os órgãos governamentais. Veja aqui tudo sobre este documento.

GNRE (Guia Nacional de Recolhimento de Tributos Estaduais)
GNRE (Guia Nacional de Recolhimento de Tributos Estaduais)

Conheça os detalhes da GNRE (Guia de Recolhimento Estaduais) como é feita a centralização pela GNRE-PE e as particularidades para GNRE-SP, GNRE-RJ e DUA-ES