Blog

Gestão de crise: veja 5 dicas que podem ajudar

Tempo de leitura: 3 minutos

A habilidade de fazer uma boa gestão de crise nunca foi tão importante quanto agora. O mundo está atravessando uma pandemia de alcance mundial: o coronavírus. Como consequência disso, diversas ações drásticas estão sendo tomadas para combater a propagação da doença.

As principais recomendações para conter a pandemia são a higiene pessoal e o isolamento social. Porém, além dos impactos em aspectos sociais, as consequências também atingem os aspectos profissionais.

É claro que a saúde deve ser a maior prioridade de gestores e funcionários, mas também é fundamental planejar as ações que podem ser adotadas para reduzir riscos empresariais e aumentar as chances de sobrevivência neste período de crise.

Para ajudá-lo a superar este cenário de extrema incerteza, veremos algumas dicas para uma boa gestão de crise. Confira.

5 dicas para fazer gestão de crise

1. Promova uma redução de custos

A primeira ação que os gestores costumam procurar para fazer gestão de crise é reduzir os custos. Trata-se apenas de uma questão de lógica: com impactos negativos sobre as receitas, é preciso reduzir também os custos para minimizar a redução da lucratividade.

Porém, esse é um exercício que requer atenção redobrada. Não é possível sair cortando custos arbitrariamente, pois isso pode comprometer a qualidade das operações. O melhor a ser feito é priorizar os principais custos das empresas e agir nos pontos certos.

Para isso, você precisa fazer um trabalho de investigação. Encontre quais são as despesas mais elevadas e para onde está indo todo o dinheiro que entra no caixa da empresa. Com base nisso, será possível trabalhar para reduzir ao máximo esses custos que realmente estão consumindo os recursos.

Após isso, você pode estender os esforços para eliminar os custos desnecessários. Talvez eles não sejam tão elevados, mas podem fazer a diferença em um momento tão delicado em que cada real se torna tão importante.

Gestão de crise
Imagem de StartupStockPhotos por Pixabay

2. Buque por capacitação

Como consequência das medidas de combate ao coronavírus, os modelos de negócio estão passando por grandes transformações. Nesse contexto, é importante que os profissionais recebam a capacitação necessária para que possam se adaptar ao momento.

Além disso, é preciso reconhecer que essa crise vai passar. E, quando isso acontecer, você quer contar com uma equipe capacitada para se reerguer rapidamente, certo? Trata-se de um momento crucial que pode se transformar em um diferencial para a sua empresa no mercado.

3. Incentive o trabalho home office

É impossível falarmos sobre a gestão de crise associada ao coronavírus sem falarmos do trabalho remoto. Como forma de reduzir o contato social entre as pessoas, organizações de todos os setores estão migrando suas operações para o home office.

Porém, além de ser uma forma de combater a pandemia, essa também é uma alternativa para reduzir custos e manter a produtividade da equipe. Portanto, incentive o trabalho em home office e garanta que toda a equipe receba as condições ideais para o trabalho.

Quer entender como você pode manter a produtividade em tempos de home office? Confira este vídeo da Dootax realizado em parceria com a Fhinck:

4. Planeje

Para fazer uma boa gestão de crise, você também precisa de um bom planejamento. Simples assim.

Em um cenário de incertezas, planejar as ações da organização é maias importante do que nunca. É preciso buscar alternativas que podem ser utilizadas para acompanhar as mudanças necessárias conforme os impactos da pandemia se espalham pelo mercado.

Mais uma vez, a saúde deve estar em primeiro plano. Por isso, os gestores têm a missão de adaptar seus modelos de negócio e as estratégias empresariais para viabilizar a continuidade das operações de uma forma rentável.

Neste momento, as projeções financeiras podem ajudá-lo. Simule cenários otimistas e pessimistas – considerando as mais diversas possibilidades que podem surgir ao longo da crise. Dessa forma, você pode se preparar com antecedência e reduzir os riscos.

5. Use a tecnologia como aliada

Segundo uma pesquisa realizada pelo Gartner, a Inteligência Artificial e tecnologias como assistentes virtuais e chatbots substituirão 69% da força de trabalho dos cargos de gerência até 2024. E todo esse contexto imposto pelo coronavírus pode acelerar esse processo.

Com as empresas migrando suas operações para o mundo digital, a automatização de tarefas e robotização nunca teve tanto destaque. Essa é uma grande aliada para elevar a produtividade, simplificar os processos e reduzir custos. Tudo o que você precisa para promover uma gestão de crise, não é?

A Dootax está com você neste momento de crise!

Seguindo as recomendações das autoridades, a equipe da Dootax está operando em home office. Porém, os canais de comunicação estão ativos – incluindo o suporte.

A Dootax apoia as iniciativas para que a população fique em casa e continuamos trabalhando para ajudá-lo a superar esse momento de crise. Com as nossas soluções de automação no setor fiscal, você pode simplificar as operações internas e passar com mais tranquilidade por esse período conturbado.

Para que você mantenha sua eficiência neste período de crise, saiba que poderá experimentar as soluções Dootax grátis, por 30 dias. Aproveite essa oportunidade!

Compartilhe
Sobre o autor

Thiago Souza

Deixe uma resposta

Posts relacionados

Gerar GNRE manualmente é coisa do passado. Automatize!
Gerar GNRE manualmente é coisa do passado. Automatize!

Perder horas precisosas para gerar GNRE de forma manual é coisa do passado. Aprenda neste artigo como automatizar o processo.

Gestão tributária eficiente
Gestão tributária eficiente

Veja neste artigo as principais informações que você precisa conhecer sobre a gestão tributária eficiente!

Software de automação de GNRE
Software de automação de GNRE

Você quer conhecer quais são as principais vantagens de investir em um software de automação de GNRE. Contamos tudo no nosso blog.

Escritórios