Blog

Contactless e Automação de Processos

Tempo de leitura: 3 minutos

Realizar atividades sem a necessidade de contato humano parece um poder digno de super-herói, não é? Mas não estamos falando sobre mover objetos com a mente ou nada que venha de uma obra de ficção científica. Na verdade, o conceito de contactless já é uma realidade presente no nosso dia a dia – mesmo que você nunca tenha notado.

Aquela fila de carros que passam automaticamente pelo pedágio ou o pagamento com cartão de crédito por aproximação são bons exemplos disso. E a aplicação do contactless para a automação de processos empresariais é bastante ampla e cheia de possibilidades.

Quer entender melhor como sua empresa pode explorar contactless e automação de processos? Confira logo a seguir!

Afinal, o que representa o conceito de “contactless”?

O termo contactless significa, em português, “sem contato”. Ele foi adaptado para o contexto fiscal brasileiro para descrever um processo que pode ser totalmente executado sem intervenção humana.

Já vimos que essa é uma tecnologia presente nos cartões de crédito por aproximação e para o pagamento de pedágios. Mas no setor fiscal o conceito de contactless também possui muitas aplicações – desde o pagamento automático de tributos até o monitoramento de CND.

A evolução do contactless

Em 2021, o conceito de contactless deve atingir um novo patamar. A pandemia da Covid-19 já está sendo considerada o gatilho de uma nova era. Não é incomum “futurólogos” classificarem os fatos como AC e DC: antes e depois da Covid-19. Trazendo para a nossa realidade empresarial, o impacto no dia a dia das corporações foi imenso.

Na pesquisa Tax Trends 2021, 68% dos participantes afirmaram que seus negócios foram impactados negativamente durante esse período. Este ambiente de incertezas acabou trazendo algumas percepções e ensinamentos importantes – interferindo no dia a dia das operações.

Isso trouxe uma preocupação especial aos gestores, que foram levados a acelerar a automação de processos para acabar com a dependência do trabalho humano em tarefas repetitivas e de baixo valor agregado. Em relação ao departamento fiscal, a pesquisa Tax Trends 2021 mostra algumas atividades que já foram automatizadas, e outras que há o desejo de automação – dessa forma, os humanos podem ser usados para as tarefas estratégicas onde realmente exige um pensamento crítico e diferenciado da situação.

Além disso, a tecnologia da informação evolui para ser cada dia mais inteligente e automática. A escalabilidade de recursos como machine learning, RPA e inteligência artificial tem reduzido o custo de implementação e possibilitado a adoção das mais modernas técnicas por empresas de todos os portes.

Um grande exemplo ao falar de inteligência artificial. Antes essa tecnologia era de uso exclusivo à grandes empresas que possuíam laboratórios próprios de P&D, mas agora é acessível a qualquer um por meio da IBM, Amazon, Google e vários outros players, que além de treinamento, só cobram pelo tempo que a máquina realmente fica em operação.

Outro exemplo acontece com o RPA, inicialmente, usado somente para operações complexas pelo próprio time de TI, agora essa ferramenta já passa a ser programada pelo próprio usuário da área administrativa, reduzindo custos e popularizando o acesso à tecnologia.

Negócio foto criado por prostooleh – br.freepik.com

Contactless e automação de processos no setor fiscal

Quando levamos o conceito de contacless para a automação de processos no setor fiscal, são várias as atividades que podem ser automatizadas:

A partir disso, é possível obter vários benefícios:

  • Aumento da produtividade. Sem a necessidade de perder tempo com atividades manuais e repetitivas, é possível eliminar drasticamente o tempo gasto pelos profissionais do setor fiscal. Com base nisso, eles podem se dedicar a outras tarefas e aumentar a produtividade.
  • Redução de custos. Com a automação de processos você consegue evitar atrasos no pagamento e também situações de pagamento de guias em duplicidade – gerando diminuição de despesas.
  • Redução de falhas humanas. Ao automatizar os processos fiscais, torna-se possível reduzir as chances de falhas humanas – como erro de digitação ou esquecimento de um prazo para pagamento.
  • Padronização de processos. Com a incorporação dos processos automáticos, torna-se mais fácil padronizar os processos internos do departamento fiscal.
  • Compliance fiscal. Como consequência dos demais benefícios, você garante o compliance fiscal da sua organização e tem mais segurança no desenvolvimento de suas atividades.

Você já conhecia o conceito de contactless e todos seus benefícios? Quer aprender mais sobre o assunto? Então confira esta live sobre Contactless e Automação, que fez parte do Tax Trends ‘21:

Compartilhe
Avatar
Sobre o autor

Carlos Lima

Deixe uma resposta

Posts relacionados

Robotização de processos: agilize seu departamento
Robotização de processos: agilize seu departamento

Quer entender como a robotização de processos pode agilizar as rotinas do seu departamento? Então descubra neste artigo.

Guia GNRE: Você está preparado para o novo layout?
Guia GNRE: Você está preparado para o novo layout?

Quer se preparar melhor para o novo layout da GNRE? Então confira tudo o que você precisa saber neste artigo.

Como gerar guia GNRE mais rápido
Como gerar guia GNRE mais rápido

Neste artigo você vai conferir como gerar guia GNRE mais rápido para obter um salto de desempenho. Acompanhe!

Escritórios